Governo e Presidente fizeram-se representar no funeral de comando

Dylan da Silva, de 20 anos, foi esta segunda-feira a enterrar em Ponte de Lima. O jovem foi o segundo elemento dos comandos do Exército a morrer. Militar aguardava um transplante de fígado.