Governo muda estratégia em relação à segunda dose

Passam agora a ser 28 dias entre a primeira e a segunda dose da vacina da Pfizer