Governo tomou medidas «draconianas» porque país estava na bancarrota

Ministro Miguel Macedo diz que medidas do Governo tornarão Estado sustentável e credível