Greve dos magistrados deixa tribunais no norte e centro do país paralisados

O sindicato diz que a greve não foi desconvocada porque há questões muito importantes, como a autonomia financeira do DCIAP, que ainda não foram votadas pelos grupos parlamentares.