Grupo de portugueses retido em Marraquexe: "Sentimo-nos abandonados"

Um grupo de 14 portugueses está retido em Marraquexe, na sequência de vários cancelamentos de voos devido ao coronavírus.

De acordo com Melania Stranio, uma das portuguesas retidas no aeroporto de Marraquexe, o grupo está retido em território marroquino há 14 horas e "a aguardar respostas" da embaixada portuguesa.

Sentimo-nos abandonados", contou Melânia. 

Em declarações via telefónica à TVI24, o grupo avança que foram canceladas, por quatro vezes, várias ligações ao continente europeu com origem em Marraquexe e Casablanca, em Marrocos.

Sobre "Notícias"