Helicóptero: Costa lamenta acidente e diz ser prematuro falar de causas

António Costa já manifestou o seu pesar pela morte das quatro pessoas na sequência da queda do helicóptero do INEM. O primeiro-ministro disse que no momento próprio serão apuradas "as causas deste acidente", frisando que agora é prematuro falar sobre as razões