Hora da Verdade: presidência portuguesa da UE deve ser neutral sobre lei anti-LGBT?

A polémica estalou, e Portugal manteve-se neutro, alegando o papel de presidente da União Europeia para a sua posição, que levou à não assinatura de uma carta a condenar a lei da Hungria.

Sobre "Hora da Verdade"