“Humilhação tremenda”: funcionária autárquica cumpre horário, mas foi encostada

Rute Martins trabalha para a Câmara Municipal de Terras de Bouro, mas há oito anos que não tem funções atribuídas. Como ela, há vários trabalhadores na mesma situação e que denunciam um ambiente de pressões e medo na autarquia.

Sobre "Jornal da Uma"