Bolsonaro vai à ONU sem estar vacinado

O presidente brasileiro está a alimentar uma nova polémica. Conhecido pelas posições negacionistas, Jair Bolsonaro garante que vai estar nas Nações Unidas, na próxima semana, mesmo sem estar vacinado, porque já esteve infetado com covid-19.

O secretário-geral da ONU diz que não lhe compete barrar a entrada a chefes de Estado que não tenham sido vacinados.

Sobre "Jornal da Uma"