Coronavírus: alto conselheiro da Casa Branca acusa China de falta de transparência

Na China, morreram mais 121 pessoas infetadas com coronavírus, mas o número total de vítimas foi corrigido para 1380, depois das autoridades retirarem da lista 108 mortes, que estariam a ser contabilizadas a duplicar.

No último balanço, há registo de 5.090 novos casos. 

De Washington, partiu um apelo crítico a mais transparência por parte de Pequim sobre o surto.

Sobre "Jornal da Uma"