Foi decretado o recolher obrigatório, enquanto as autoridades estão a deter pessoas com possíveis ligações aos atentados. Turistas portugueses quiseram chegar ao aeroporto antes da medida entrar em vigor