Deputado ucraniano agredido a murro no Parlamento

O deputado exaltou-se depois de um outro ter insinuado que teria ligações ao Kremlin. Iuri Boiko reagiu de forma agressiva, especialmente depois de ter sido passada a ideia de que deveria ter sido detido, por ter visitado Moscovo. A proferir as declarações provocatórias esteve um deputado do partido radical, já conhecido por não medir bem as palavras e tirar os colegas do sério

Sobre "Diário da Manhã"