Dois antigos polícias militares detidos pelo homicídio de Marielle Franco

No Rio de Janeiro foram detidos dois antigos agentes da polícia militar, suspeitos do homicídio da vereadora Marielle Franco e do seu motorista. Na semana em que se assinala um ano do crime que chocou o Brasil, resta saber quem ordenou o assassinato da ativista.