Dois jornalistas condenados a sete anos de prisão em Myanmar

O tribunal considerou-os culpados de terem revelado segredos de Estado. Os repórteres da Reuters dizem-se inocentes e alvo de uma armadilha por causa da investigação que estavam a fazer sobre a perseguição à minoria rohingya