Em visita relâmpago, Sánchez recusa encontrar-se com presidente da Catalunha

Numa visita relâmpago, o primeiro-ministro espanhol foi a Barcelona prestar homenagem e solidariedade  aos polícias feridos nos protestos independentistas.

Pedro Sánchez recusou encontrar-se com o presidente da Catalunha e exige que Quim Torra condene publicamente as manifestações violentas que lançaram o caos na última semana.

Sobre "Jornal das 8"