Estão acusadas até agora 50 pessoas. Entre elas duas atrizes, Lori Loughlin e Felicity Huffman. São acusadas de pagar milhares de dólares para que os filhos entrassem nas melhores universidades do país, onde o acesso é altamente disputado.