Funcionários da Google saem à rua contra o assédio sexual

Um artigo do jornal norte-americano New York Times, que acusava executivos da Google de práticas de assédio sexual, resultou num movimento de protestos sem precedentes na empresa multimilionária. Por todo o mundo, os funcionários saíram à rua, numa manifestação inspirada no movimento #MeToo.

Sobre "Notícias"