Homens, mulheres e crianças estão há uma semana à deriva no mar Mediterrâneo

Um navio com mais de 60 migrantes a bordo está há uma semana no mar Mediterrâneo, ao largo de Malta, sem conseguir autorização para atracar, depois de Itália também ter recusado a entrada destas pessoas. Com falta de comida, água potável e roupa, muitos estão doentes e em estado frágil