Khashoggi: "Não consigo respirar"

Há transcrições de uma gravação áudio que sugerem que o jornalista Jamal Khashoggi terá mesmo sido violentamente assassinado no consulado saudita em Istambul. "Não consigo respirar" estão registadas como as últimas palavras do jornalista, que logo depois terá sido desmembrado por uma serra elétrica.