Líderes de grupo terrorista espanhol atuariam a partir de Portugal

Os líderes da “Resistência Galega”, um grupo terrorista que pede a independência da Galiza, foram detidos pelas autoridades espanholas. Os terroristas, que realizaram vários atentados, atuariam a partir de Portugal. Antón Garcia Matos, conhecido como Toninho, e Maria Asunción Losada Camba, estavam desaparecidos desde 2006. Durante mais de uma década, terão cometido mais de 30 atentados, sem vítimas mortais. Os alvos foram sedes de partidos, instituições, bancos e empresas. O último ataque com explosivos foi realizado em Lugo em 2014.  De acordo o jornal "El País", ambos foram agora encontrados em Vigo, com outros dois colaboradores