Malala chora no regresso ao Paquistão, mais de cinco anos depois de ser baleada

Vencedora do Prémio Nobel da Paz em 2014 regressou a "casa" cinco anos depois de ser baleada pelos Talibãs em 2012.

Sobre "Notícias"