Milhares de migrantes acampam na fronteira entre a Polónia e a Bielorrússia

Com a descoberta do corpo de um jovem sírio pelas autoridades polacas, são já nove as vítimas desta crise migratória.

A Bielorrússia acusa a Polónia de violar os direitos humanos. Já o governo polaco, em conjunto com a Lituânia, apontam o dedo a Lukashenko e ao apoio que este recebe da Rússia.

Sobre "Jornal da Uma"