Milhares nas ruas pedem atuação urgente contra as alterações climáticas

Há manifestações pelo ambiente ao longo do fim de semana em praticamente todo o mundo.

Em Paris, um grupo de radicais espalhou o caos, obrigando a polícia a usar gás lacrimogéneo.

Já em Nova Iroque, onde começou a cimeira pelo clima da ONU, António Guterres reuniu-se com vários jovens, com uma crítica aos líderes mundiais que falam demasiado e ouvem muito pouco.

Um movimento que começou por ser uma greve estudantil, tornou-se numa greve mundial pelo clima.