Papa diz que abusos sexuais em França são "uma vergonha"

Vergonha. Foi esta a palavra que o Papa usou repetidamente esta quarta-feira para qualificar a dimensão gigantesca dos abusos sexuais cometidos por membros da Igreja ao longo de 70 anos.

Mais de 330 mil crianças e jovens foram vítimas de abusos sexuais, entre 1950 e 2020.

Sobre "Jornal da Uma"