Paris: as imagens secam as palavras

O resumo em fotografias de uma noite de massacre: mais de 100 pessoas morreram em seis ataques concertados, numa escala bem maior do Charlie Hebdo