Presidente do Brasil diz que residência oficial pode estar assombrada

O presidente do Brasil deixou de viver na residência oficial de Brasília. Em tom de brincadeira, Michel Temer disse que essa decisão se deveu ao facto de o Palácio da Alvorada poder estar assombrado. A piada gerou polémica na comunicação social e até a ex-presidente Dilma Rousseff comentou