PSOE com posição privilegiada para formar geringonça

Um dos cenários de governabilidade em Espanha passa pelo envolvimento dos independentistas. Ao juntar-se ao Podemos e a alguns partidos regionalistas para que votem a favor da sua investidura, o PSOE fica apenas a um deputado de uma maioria absoluta no parlamento. Se assim for, Pedro Sanchez liberta-se da dependência dos partidos independentistas catalães. Foi isso mesmo que o diretor adjunto do jornal La Vanguardia explicou aos enviados-especiais da TVI Beatriz Jalon e João Pedro Matoso.