Síria: ONU fala em crimes contra civis enquanto Rússia está otimista

Centenas de civis desapareceram de Alepo, na Síria, depois de terem deixado a zona controlada pelos rebeldes. A ONU suspeita que os homens tenham sido executados pelas forças do regime sírio, como represália pelo apoio dado à rebelião