Tribo acusa ministra de Bolsonaro de raptar uma criança

Há uma nova controvérsia em redor da ministra dos Direitos Humanos nomeada por Jair Bolsonaro. Uma tribo do estado de Mato Grosso acusa a ministra Damares Alves de ter sequestrado uma criança quanto tinha seis anos. A jovem, agora com 20 anos, é apresentada como filha adotiva da ministra, que afirma ter salvo a criança de infanticídio.