Jamaica, Tokyo e Europa: três bares de Lisboa que a covid-19 não deixou despedir da "casa velha"

Os empresários da noite estão impedidos de exercer qualquer atividade, por causa da pandemia. Mesmo um desconfinamento por fases, deverá remeter estes espaços para os últimos a reabrir. E, no caso de três das mais famosas discotecas de Lisboa, a reabertura vai significar, a todos os títulos, uma nova vida. O Jamaica, o Tokyo e o Europa não puderam seque despedir-se quando foram forçados a encerrar portas no Cais do Sodré. Irão reabrir, quando tal for possível, num local mais perto do rio e com uma lotação maior.

Sobre "Jornal das 8"