João Gomes Cravinho ignora perguntas sobre protestos dos paraquedistas

O ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, não quis comentar o protesto dos paraquedistas, que acusam o Governo e o Exército de desrespeito pelas tradições da profissão, ao proibir o cântico "Ó Pátria, Mãe" no desfile do Dia do Exército, que se celebra este domingo, em Aveiro. 

Sobre "Jornal da Uma"