José Silvano: "Não há nada a apontar. Sou um homem honrado"

Secretário-geral do PSD, suspeito de ter assinado folhas de presenças sem de facto ter estado presente, garante que nada fez de errado no caso das ausências no Parlamento