Jovem que contraiu sarampo continua em estado grave

Uma das jovens atingidas pelo surto de sarampo enfernta uma situação clínica grave. Tem 17 anos, foi transferida do Hospital de Cascais para o D. Estefânia, onde está num quarto de pressão negativa. Apresenta um pneumonia bilateral, que é consequência do sarampo.

A Direção-Geral de Saúde insiste que é preciso vacinar as crianças e discutir a liberdade que muitas famílias invocam para não administrar vacinas aos filhos.