Mais de seis décadas depois, ainda há quem recorde a erupção do vulcão dos Capelinhos

A última grande erupção vulcânica em Portugal ocorreu há 64 anos, no concelho do Capelo, na ilha do Faial, e durou mais de um ano – entre 1957 e 1958.

Mais de 300 casas ficaram destruídas e 2.000 pessoas tiveram de ser evacuadas da ilha nos Açores. A maioria acabou por emigrar para os Estados Unidos, mas, quem ficou, recorda as memórias desses longos dias em que a ilha foi tomada pelo vulcão.

Sobre "Jornal das 8"