Mais de uma dezena de cavalos apreendidos pela GNR morreram em Ferreira do Alentejo

Mais de uma dezena de cavalos apreendidos pela GNR morreram à fome, em Ferreira do Alentejo.

Após uma denúncia, 104 cavalos foram apreendidos por falta de documentos e pelas más condições de habitabilidade, mas continuaram no terreno do proprietário que recusou tratar deles.
 

Sobre "Jornal das 8"