Marcelo sobre estado de emergência: "Não podemos baixar a guarda"

O Presidente da República colocou esta sexta-feira a hipótese do estado de emergência ser alargado até às 24 horas do dia 1 de maio, como medida de contenção à pandemia de Covid-19.

A intenção de prolongar o estado de emergência foi anunciada por Marcelo Rebelo de Sousa em conferência de imprensa. 

Não podemos baixar a guarda", considerou o Presidente da República.

Sobre "Notícias"