Médicos e enfermeiros estão a parar o Serviço Nacional de Saúde

Sindicatos falam numa adesão à greve que ronda os 90%. Em causa, estão reivindicações comuns às duas classes: a revisão da grelha salarial, redução do horário de trabalho e alterações à idade da reforma