Medina: "Não é difícil imaginar que a audição de Joe Berardo tenha conduzido ao dia de hoje"

Joe Berardo foi detido esta terça-feira num processo relacionado com fraude fiscal, burla qualificada, branqueamento de capitais e administração danosa.

Fernando Medina disse que "não é difícil imaginar que a audição de Joe Berardo na comissão de inquérito, em 2019, e aquilo que ali foi dito tenha conduzido ao dia de hoje”. 

A forma "arrogante" com que o empresário madeirense disse o que disse, foi “de certa forma, a exposição do modo como os empréstimos foram desguarnecidos do ponto de vista das suas garantias reais e do ponto de vista vasto do património, que Joe Berardo não ocultou nunca que estava na sua disposição, e na sua posse, a ser entregue aos bancos como garantia”.

O presidente da Câmara de Lisboa classificou a audição na comissão de inquérito como "chocante". 

Sobre "Notícias"