Mia Couto sobre Moçambique: "É como se tivesse perdido uma parte de mim próprio"

A cidade agora destruída foi o berço de muitas memórias do escritor Mia Couto. Viveu na cidade 17 anos e diz sentir que perdeu uma parte de si próprio.

Sobre "Notícias"