Assunção Cristas esteve no Jornal das 8, desta segunda-feira, numa entrevista conjunta com o Miguel Sousa Tavares e o Pedro Pinto. Um dos temas em cima da mesa foi a greve dos motoristas agendada para dia 12 de agosto. A líder do CDS afirma que esta paralisação mostra a "incapacidade do Governo" e que se fosse primeira-ministra teria apostado na prevenção deste cenário e teria falado seriamente com os sindicatos. Cristas abordou ainda as propostas apresentadas pelo CDS, como a redução da carga fiscal, nomeadamente no IRC e no IRS, e mostrou-se indiferente às sondagens que têm revelado um mau resultado eleitoral para o partido