Mulher do emir do Dubai pede proteção da justiça britânica para ela e para os filhos

Uma das mulheres do emir do Dubai pediu esta quarta-feira a um tribunal britânico que proteja um dos filhos do casal de um casamento forçado. A princesa Haya Bint al-Hussein refugiou-se no Reino Unido com as duas crianças há um mês sob a alegação de que já não se sentia segura junto do marido. Os dois cônjuges lutam agora pela custódia dos filhos, de 7 e 11 anos de idade.