O perfil do terrorista da Nova Zelândia

Antes de partir para a matança, o assassino escreveu um manifesto anti-islâmico e anti-imigração. Será possível perceber o pensamento de um homem destes? As explicações do psiquiatra Vítor Cotovio.