O resumo da reviravolta «relâmpago» do Real Madrid no Mestalla

O Real Madrid foi ao Mestalla bater o Valencia por 2-1, virando o resultado em apenas dois minutos, nos instantes finais do jogo, com Vinicius a empatar o jogo antes de Benzema marcar o golo que mantém a equipa de Carlo Ancelotti no topo da classificação.

Uma ponta final determinante para os merengues que estiveram a perder desde o minuto 66 quando Hugo Duro abriu o marcador com um remate cruzado, depois de uma falha de Lucas Vázquez.

Um golo que premiava o Valencia que, com Thierry Correia e Gonçalo Guedes no mesmo corredor, tinha sido a melhor equipa até àquele instante, depois de uma primeira parte intensa e em Courtois já tinha negado um golo a Gabriel Paulista com a defesa da noite.

O Real Madrid começou a crescer depois do golo sofrido, mas ainda demorou vinte minutos a chegar ao empate, numa altura em que o Valencia já tinha recuado as suas linhas. O empate resultou de uma abertura perfeita de Benzema da esquerda para a entrada fulgurante de Vinicius. A bola ainda sofreu um desvio em Foulquier e traiu Mamardashvili.

Dois minutos volvidos e inverteram-se os papéis, com Vinicius a cruzar para Benzema que se antecipou ao guarda-redes do Valencia e desviou com o ombro para o golo da viória.

Com estes três pontos, a equipa de Ancelotti recupera a liderança, com 13 pontos, mais dois do que o vizinho Atlético Madrid e mais três do que o Valencia e Real Sociedad. IMAGENS ELEVEN