Obras públicas param devido ao aumento do preço das matérias-primas

Nas últimas duas semanas, só em Vila Nova de Gaia, pararam a meio duas obras públicas que estavam em execução, por causa do brutal aumento do preço das matérias-primas. Os empreiteiros preferem abdicar da obra do que acumular prejuízo.

A Associação Nacional de Municípios diz que isto acontece por todo o país.

Sobre "Jornal da Uma"