OE2017: Bruxelas não pede medidas adicionais apesar de riscos

Comissão Europeia anunciou a suspensão das sanções a Portugal por causa do défice excessivo do ano passado. Bruxelas dá luz verde ao orçamento português para o próximo ano e, apesar, de identificar alguns riscos para o cumprimento das metas  não pede medidas adicionais. (Texto Isabel Loução Santos)