Aeroporto do Montijo: decisão da ANAC é "absolutamente lamentável e prejudicial para a região de Lisboa"

A Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) travou a construção do Aeroporto do Montijo, uma vez que não existe um parecer favorável por parte de todos os concelhos afetados.

No seu comentário semanal na TVI24, Fernando Medina considerou que esta decisão era esperada “em virtude da lei existente”, mas, ainda assim, não deixa de ser “absolutamente lamentável e altamente prejudicial do ponto de vista do desenvolvimento da região de Lisboa”.

Na ótica do comentador, a construção do Aeroporto do Montijo é uma peça estratégica fundamental nas infraestruturas do país.

“O problema é o facto de se ter identificado há mais de 50 anos a necessidade de um novo aeroporto em Lisboa… há mais de 50 anos que se estudam localizações”.

“Chegamos aqui, ao ano de 2021, com uma não decisão sobre o aeroporto”.

Para Medina existem três cenários em cima da mesa: Aeroporto Humberto Delgado mais um; Aeroporto do Montijo mais um; e o Aeroporto em Alcochete. Porém, destas três, só as últimas duas são viáveis na ótica do Presidente da Câmara de Lisboa.

Sobre "Notícias"