Governador do Banco de Portugal: “Como é óbvio, Mário Centeno reúne todas as condições”

Jorge Coelho lembra que falta memória em vários setores da sociedade, que esqueceram que Mário Centeno era o “desconhecido” no leque de ministro de António Costa, quando ninguém acreditava “nas contas certas” e provou ser altamente competente para o cargo que ocupado. Algo que se reflete na popularidade que tem junto dos portugueses.

Mário Centeno foi e é um elemento fundamental no êxito do Governo de António Costa”, realça o comentador da TVI.

O comentador da TVI lembrou ainda as palavras de António Costa: 

“Como o Primeiro-ministro dizia no debate, há três posições: Mário Centeno é um bom Ministro das Finanças, é um excelente Ministro das Finanças e um ótimo Ministro das Finanças”, lembra Jorge Coelho.

O comentador da TVI garante que Mário Centeno reúne todas as capacidades para exercer as funções de governador do Banco de Portugal, caso aceite e caso seja o escolhido para ocupar o caso.

Sobre "Circulatura do quadrado"