"Há um padrão de comportamentos em Vítor Constâncio: lavar as mãos dos assuntos"

“Eu não faço a leitura do Pedro Silva Pereira”, começou por dizer o eurodeputado do PSD Paulo Rangel, na Circulatura do Quadrado, falando sobre o inquérito da CGD. “Alguém acredita que o governador do Banco de Portugal não sabe alguma coisa?”, deixou no ar.