Miguel Sousa Tavares considera que é improvável que Pedro Sánchez não tenha de convocar eleições atecipadas, pois o presidente espanhol vive "uma situação parecida com a de António Costa". "Quer uma solução com o Podemos, que exige mais do que o Bloco de Esquerda", explicou o comentador da TVI.