Pai entrega filhas à GNR e alega não ter condições para as criar

Aconteceu em Famalicão, mas o aparente drama não convence todos